• Kellen Melo

Como saber se o seu filho está obeso




A obesidade infantil é caracterizada pelo excesso de peso nos bebês e crianças de até 12 anos.


A criança é identificada como obesa quando o seu peso corporal ultrapassa em 15% o peso médio que corresponde a sua idade.


Este excesso de peso aumenta o risco de a criança ter problemas de saúde, como, por exemplo, diabetes, colesterol alto, dificuldade respiratória e pressão alta.


Clique aqui para agendar a consulta


Como ela acontece?

A obesidade infantil pode acontecer devido fatores genéticos, estilo de vida e ambientais, quando o consumo de calorias é maior que o gasto de energia, causando o aumento do depósito de gordura no corpo e, consequentemente, aumento de peso.


Como é o tratamento da obesidade infantil

O tratamento deve ser realizado de forma progressiva e com orientação do pediatra e de um nutricionista, podendo também ter acompanhamento do psicólogo em alguns casos.


Geralmente o tratamento se baseia na mudança da alimentação da criança e introdução a atividades físicas regularmente.


É extremamente importante também que a família da criança esteja envolvida em todo o processo para que isso facilite no desenvolvimento de novos hábitos saudáveis da criança.


Há outros casos mais específicos de obesidade que são diagnosticados com o médico, como, por exemplo, quando a obesidade pode estar relacionada a alguma doença, como problemas na produção de hormônios.


Todas as formas de tratamento são importantes e devem ser avaliadas pelos profissionais para evitar problemas, como pressão alta e diabetes e por exemplo.


Industrializados x comida saudável

Uma grande dificuldade dos pais é trocar o consumo de industrializados, como hambúrgueres, sorvetes, fast foods, por alimentos mais saudáveis, como frutas, legumes e verduras.


Para que essa mudança ocorra é necessário bastante paciência e introduzido de forma gradual na vida da criança.


Ao longo do tempo os pais podem ir oferecendo saladas e frutas, por exemplo.


Como introduzir a atividade física na criança

Uma ótima dica é matricular a criança em alguma escola esportiva, como em aulas de caratê, futebol, ballet, atividades físicas para ajudar a melhorar o desenvolvimento infantil e criar hábitos até para a vida adulta.


Pode-se também experimentar atividades em família, como andar de bicicleta ou jogar bola;


Dicas para ajudar na alimentação da criança

A família é muito importante para a adoção de uma alimentação saudável na vida da criança e pode ajudar em:


• Evitar alimentos industrializados;

• ter uma grande variedade de frutas, legumes e verduras dentro da alimentação;

• Evitar alimentos fritos;

• Evitar refrigerantes e preferir água e sucos de frutas naturais;

• Ter um prato do tamanho adequado a criança;

• Evitar que a criança fique distraída durante a alimentação, como assistindo televisão e celular.


Ativar a criatividade da criança ,fazendo com que a mesma prepare suas próprias refeições ,tipo bolo ,salada de frutas por exemplo ,mas sempre acompanhando com um adulto responsável


Caso, você tenha percebido a obesidade infantil na saúde do seu filho é importante consultar um nutricionista, pois somente assim é possível que a criança possa se desenvolver normalmente.


Através da consulta, há uma avaliação nutricional completa para estabelecer um plano de alimentação adaptado e adequado para a vida da criança. Além de ser encaminhada para outras especialidades médicas, se necessário.


Você também pode agendar um check-up nutricional .


Clique aqui para agendar a consulta



Posts Em Destaque